Liderança e gestão de pessoas: qual a relação?

COMPARTILHAR
Tempo estimado de leitura: 7 minutos

A ascensão de todo e qualquer empreendimento está intimamente relacionada à liderança e gestão de pessoas.

Isso porque toda empresa é formada por uma rede de colaboradores responsáveis pela dinâmica dos processos internos. E, para que esses processos ocorram de forma eficaz, é preciso que a equipe seja qualificada, orientada e motivada

Visto que o capital humano é um dos bens mais valiosos dentro das organizações, a liderança e gestão de pessoas se tornam cada vez mais indispensáveis à rotina empresarial. Mas o que esses conceitos significam e como aplicá-los? Continue lendo este artigo e descubra!

O que é liderança e gestão de pessoas?

Apesar de serem áreas complementares, liderança e gestão de pessoas apresentam alguns conceitos distintos.

Vale ressaltar que é justamente por suas diferenças metodológicas que as duas áreas são essenciais para a rotina das organizações, devendo trabalhar em conjunto. Confira as particularidades de cada uma a seguir.

Qual a função da gestão de pessoas?

A gestão de pessoas, de modo geral, lida com todos os recursos humanos presentes em uma empresa. Assim, num primeiro momento, ela é responsável pela seleção e recrutamento da equipe

Posteriormente, a gestão de pessoas deve promover o treinamento e o acompanhamento dos profissionais, alinhando-os aos objetivos e expectativas da organização. 

Nesse sentido, a gestão de pessoas tem o papel fundamental de desenvolver as habilidades pessoais e coletivas de seus colaboradores. Além disso, é preciso pontuar que a gestão de equipe trabalha com metas e métodos para otimizar processos.

Qual a definição para liderança organizacional?

Por sua vez, a liderança organizacional é um conceito um pouco mais abstrato, que depende das competências de cada profissional. Ao contrário do que se imagina, o líder não é aquele que somente comanda uma equipe e delega tarefas. 

Na verdade, os principais papéis do líder são escutar, compreender e motivar a equipe, atuando como potencializador das habilidades individuais de cada colaborador e focando no desenvolvimento profissional. Dessa forma, cabe ao líder desenvolver um ambiente de trabalho saudável, em que as relações interpessoais ocorram de maneira respeitosa e produtiva.

Percebe-se, então, que liderança e gestão de pessoas são áreas que se cruzam para desenvolver o capital humano de uma empresa, sendo responsáveis pelo sucesso e crescimento do empreendimento. 

Qual o objetivo do desenvolvimento de liderança e gestão de pessoas?

Uma empresa é composta por pessoas, as quais tendem a ter opiniões, práticas e visões distintas. Nesse sentido, sem uma liderança e gestão de pessoas eficientes, a empresa fica refém de uma equipe divergente, prejudicando as atividades laborais e o cumprimento das obrigações.

Diante dessa questão, o desenvolvimento de liderança e gestão de pessoas em conjunto é essencial para conciliar a pluralidade de habilidades e competências de acordo com os objetivos e expectativas da organização.

Para isso, a gestão de pessoas atua na orientação e capacitação dos colaboradores, enquanto a liderança desenvolve pessoas e impulsiona novos talentos, mantendo a equipe engajada e motivada

Contudo, para que alcancem bons resultados, liderança e gestão de pessoas são conceitos que precisam trabalhar em sintonia, mantendo uma comunicação eficaz e um processo de gestão transparente. 

Quais são os tipos de liderança?

Cada ambiente empresarial tem diferentes necessidades e objetivos. Assim, é preciso aplicar o melhor tipo de liderança que converge com as perspectivas da organização. E, para isso, existem alguns estilos de liderança que podem ser adotados:

Liderança democrática

Nesse modelo de liderança organizacional ocorre a participação em equipe, em que os colaboradores são incentivados a participar da tomada de decisões, da resolução de problemas e da elaboração de novas ideias. 

Assim, há um ambiente democratizado, com debate aberto, e o líder atua como um mediador e conselheiro, estabelecendo uma relação horizontal com a equipe.

A imagem contém um líder exercendo liderança e gestão de equipe para um grupo de colaboradores.
Liderança e gestão de pessoas devem andar juntas ao coordenar uma equipe!

Liderança autocrática

O líder autocrático representa o estereótipo de “chefe”. Isto é, na liderança autocrática, o poder de decisão é centralizado nas mãos do líder, que apenas delega funções. Não há muito espaço para o debate coletivo, o que desmotiva muito os colaboradores, que apenas executam suas tarefas de forma mecânica. Infelizmente, essa figura de líder ditatorial ainda é muito comum nas empresas. 

Liderança liberal

Nesse caso, a palavra da vez é “confiança”. O líder liberal confia plenamente na capacidade da sua equipe, dando liberdade para que os colaboradores tomem decisões e participem dos processos organizacionais. 

Apesar dessa confiança motivar a equipe, a liderança liberal não apresenta orientação e supervisão, o que pode deixar os colaboradores perdidos e prejudicar a entrega das demandas. 

Liderança técnica

O líder apresenta uma alta capacidade analítica, trabalhando de forma específica para a execução das tarefas e resolução de problemas. Na liderança técnica há um alto nível de desempenho e rendimento, bem como proporciona confiança aos colaboradores. 

Liderança motivadora

Nesse modelo, o otimismo e o trabalho em equipe são fatores importantes. O líder motivador não se abala diante de adversidades e sempre busca inspirar e animar sua equipe. Além disso, essa liderança promove um ambiente de trabalho saudável, em que os colaboradores têm liberdade para se expressar e participar das decisões.

Quais os 5 pilares da gestão de pessoas?

A inserção e o desenvolvimento de uma gestão de pessoas eficaz deve respeitar alguns pilares, que são:

1. Motivação 

Uma equipe desmotivada afeta diretamente na produtividade e na realização das tarefas. Assim, manter os colaboradores motivados é o principal pilar para uma boa gestão de pessoas.

Por isso, a gestão de equipe deve reconhecer o potencial das pessoas envolvidas no processo organizacional, estimulando seu crescimento. Essa motivação pode ser financeira, bem como pode estar atrelada ao plano de carreira e a valores pessoais. 

2. Comunicação

Quantos problemas processuais poderiam ser evitados com um simples diálogo? Dentro das empresas, a comunicação eficiente e transparente é essencial para harmonizar e alinhar os processos. Por isso, é essencial utilizar ferramentas para manter a comunicação interna integrada.

3. Trabalho em equipe

Apesar de uma empresa contar com diversos setores diferentes, todos devem trabalhar em harmonia para atingir os mesmos objetivos. Dessa forma, todos os colaboradores devem ser orientados a trabalhar como uma equipe, evitando competições ou centralização de poder.

4. Competências

É preciso avaliar as competências e habilidades de cada colaborador, investindo também em capacitação. Além disso, os pilares mencionados acima só funcionam se a equipe estiver capacitada para executar suas funções.

5. Desenvolvimento profissional

O crescimento de uma empresa está diretamente relacionado com o desenvolvimento profissional de seus colaboradores. Isto é, uma empresa com profissionais estagnados não tem previsão de crescimento

Para isso, é preciso investir no treinamento e na capacitação contínua da equipe, desenvolvendo as habilidades pessoais de cada colaborador.

Diante desse contexto, respeitando os pilares da gestão de pessoas e aplicando o melhor modelo de liderança, a organização apresentará um crescimento exponencial, destacando-se em um mercado tão competitivo. 

Após saber tudo sobre liderança e gestão de pessoas, o que acha de compartilhar este artigo com uma amiga ou um amigo que também tem interesse no assunto?

CADASTRE-SE PARA RECEBER INFORMAÇÕES SOBRE NOSSOS CURSOS

Informe o seu nome completo
Informe um número de celular válido
Li e concordo com a política de privacidade, bem como com o tratamento dos meus dados para fins de prospecção de serviços educacionais prestados pelo IBMEC e demais instituições de ensino do mesmo Grupo Econômico
Preencha todos os campos obrigatórios